Taiwan Protesta

Contra a tentativa do partido governamental Kuomintang (KMT) de ir em frente com um novo tratado comercial com a China na área dos serviços. Os protestantes argumentam que o novo tratado não só permitirá à China ter maior influência sobre o sistema político da ilha como beneficiaria os grandes grupos económicos em detrimento de empresas de Taiwan. Se não é algo nada fora do comum ver a sociedade de Taiwan, muitas vezes em massa, na rua a protestar, a ocupação do parlamento é algo completamente novo. Para Lauren Dickey, do Council on Foreign Relations, conta-nos o que esta crise pode representar para a democracia de Taiwan. A popularidade do actual governo, que tem vindo a fortalecer laços com Pequim, é muito baixa e a tensão gerada por estes protestos pode vir a afectar negativamente as relações com o continente.

Anúncios

Sobre Luis Mah

Investigador no Centro de Estudos sobre África, Ásia e América Latina (CESA) no Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) em Lisboa. Sou também professor auxiliar convidado no Instituto de Estudos Orientais da Universidade Católica Portuguesa (UCP).
Esta entrada foi publicada em China, Comércio internacional, Democracia, Taiwan. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s