Diários de Gangnam III

hallyu-koreanwave

A emergência da Onda Coreana ou Hallyu (한류), e agora com um impacto global graças ao Gangnam Style de PSY, não é mais do que um “termómetro”, podemos argumentar, das tendências crescentes que resultam das transformações económicas que estamos a presenciar de forma inequívoca hoje em dia.

O sucesso da Onda Coreana parece ilustrar o facto de que a cultura de massas a nível global já não é um reduto exclusivo dos artistas ocidentais.

Por Hallyu, de forma muito simples, podemos entender todos aqueles produtos culturais sul-coreanos destinados a um público de massas como jogos online, telenovelas, música pop ou animação. E tal como tão bem fizeram com as suas exportações industriais, o Estado sul-coreano não quis deixar de dar uma mão às suas indústrias criativas (ou de conteúdos) nascentes e criou em 2009, a Agência de Conteúdos Criativos Coreanos (ou KOCCA), precisamente, para promover o crescimento da indústria cultural sul-coreana.

KOCCA

Nesta indústria inclui-se: as produções televisivas (normalmente telenovelas), jogos online, a banda desenhada, a animação, K-pop (música pop coreana) ou o licenciamento e merchandising de personagens como Pororo e Pucca, e que conquistam milhões de crianças e adultos pelo mundo fora. Em 2011, as exportações das indústrias criativas do país chegaram aos 3,4 mil milhões de dólares. Dois anos antes, 2009, os números eram de 1,5 mil milhões de dólares.

Dal Yong Jin, professor da Universidade Simon Fraser no Canadá, fala de dois períodos Hallyu: Hallyu 1.0 e Hallyu 2.0.

Uma primeira vaga desta Onda Coreana vai de 1997 a 2007, quando as empresas culturais sul-coreanas começaram a desenvolver e produzir um conjunto de produtos que exportaram essencialmente para o Nordeste e Sudeste Asiático. Entre estes produtos culturais dominavam os programas televisivos, e entre programas televisivos mais de 80% eram telenovelas (o restante dividia-se em programas de entretenimento e animação). Em 2007, as exportações de produtos culturais sul-coreanos chegaram quase aos 160 milhões, contra apenas 5,5 milhões em 1995.

Winter Sonata

A segunda vaga deste fenómeno começa nos finais de 2007 graças ao crescimento explosivo dos media sociais e o papel central que têm desempenhado para a circulação global do K-Pop e dos jogos online. Neste último caso, dos jogos online, as exportações passaram de 102 milhões de dólares em 2000 para 1,6 mil milhões de dólares em 2010 e representa hoje uma das mais significantes exportações culturais do país.

Ragnarok-1

Mas o que distingue esta segunda vaga é claramente o K-Pop. Se o K-Pop já fazia parte da primeira vaga desta Onda Coreana, só nos anos mais recentes é que começou a ganhar uma popularidade impressionante. Em 2009, as exportações de K-Pop chegaram aos 25 milhões de dólares, um ano depois (2010) aos 80,9 milhões (um crescimento de 159%) e no ano passado 177 milhões de dólares (112% de crescimento). A convergência entre multimédia e as tecnologias de telecomunicações e o papel nesta convergência desempenhado por empresas sul-coreanas tecnológicas como a Samsung, tem sido crucial para o rápido crescimento das indústrias criativas sul-coreanas e da Onda Coreana.

Para os próximos tempos, preparem-se para quem aí vem via K-Pop Star, o reality show do canal sul-coreano SBS, agora na segunda série, onde as 3 principais agências de talentos e de entretenimento do país (JYP, YG e SM) descobrem as futuras estrelas do pop global:

Anúncios

Sobre Luis Mah

Investigador no Centro de Estudos sobre África, Ásia e América Latina (CESA) no Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) em Lisboa. Sou também professor auxiliar convidado no Instituto de Estudos Orientais da Universidade Católica Portuguesa (UCP).
Esta entrada foi publicada em Coreia do Sul. ligação permanente.

Uma resposta a Diários de Gangnam III

  1. Pingback: Diários de Gangnam V (마지막) | O Retorno da Ásia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s